7 de setembro de 2014

de mim para mim


Tu és, de longe e bem longe, a pessoa mais forte, persistente e decidida que conheço. És forte por dentro, de coração, espírito e alma. És forte porque não deixas de sorrir. És forte porque até no momento que choras és capaz de dizer que tudo vai melhorar. És forte porque não paras e não deixas os outros parar. És forte porque não desistes dos outros quando só queres desistir de ti. És forte porque perdoas, engoles e segues em frente. És forte porque te manténs em pé enquanto te cortam as pernas. És forte porque enganas a tristeza e a solidão. Tu és forte e é disso que preciso que te lembres quando te sentires fraca, fraca sem força para lutar, fraca com vontade de chorar, fraca por imaginares que estás sozinha... porque não estás, nem és. Nem fraca, nem sozinha. És forte porque vês o brilho nos outros quando eles são iluminados pela escuridão e tu não vês, ou não queres ver. És forte porque te tiram tudo e tu continuas a dar o que tens, até te sentires fraca. És forte porque és firme e se até hoje foste assim, vais ser sempre. Preciso que te lembres disto: quando o amor falhar, quando as saudades te fizerem chorar, quando os caminhos estiverem todos errados e quando as pessoas deixarem de te ouvir. Tu disseste, eu lembro-me, que se as tempestades não passarem, a tua força será infinita. Então agora sê, sê um furacão.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Fica em segredo, entre nós.