24 de março de 2012



Não adormeças sem me ouvir, não hoje, não depois. Não adormeças longe daqui, não vás por onde não queres ir...tu sabes que tu és tu, que para além de ti não haverá mais ninguém.  Não adormeças sem pousar a alma no véu fino e transparente, aquele nosso que protege a dor e a solidão. O desespero da certeza de hoje não sermos nada e a esperança de que amanhã dará certo, talvez. Não adormeças sem ouvir a minha voz, sem cantares a melodia que entoa no teu coração, o simples e tão doce som que embala os sonhos, mesmo que os pesadelos queiram tomar conta de ti. Ouve-me quando te digo que vivo aqui, que gosto de estar aqui e não lá, no mundo dos outros que não sabem o que é um coração mole e apagado, um coração fraco e esgotado da vida que passa por eles, sem saberem. Sabes que abano a cabeça quando afirmas ser distante? Abano...mas é uma distância natural e diferente, sem saber explicar-te o quão bom é pousar a alma sem medo e adormecer com palavras na boca...sensíveis e frágeis. Antes de adormeceres, deixa-me dizer-te que é este mundo de que te falo, que me faz lembrar o nosso...aquele que recordas quando te pesa o cansaço dos dias iguais; aquele que desejas quando mais ninguém te sabe ouvir em qualquer silêncio...o nosso, que se misturava tão bem quanto um sorriso e uma vergonha confusa.

7 comentários:

  1. está lindo como não é de admirar princ :') és um ser puro e espectacular, acredita !
    adoro-te, muito mais que hoje, nunca demais.

    ResponderEliminar
  2. sim, ele suicidou-se mesmo. só que agora existem imensas polémicas, rumores, e sabes como são as pessoas; metem-se logo a inventar. e agora o que não precisamos mesmo é de rumores para nos dar cabo da cabeça...

    ResponderEliminar
  3. obrigada fofinha :)
    gostei muito do texto !

    ResponderEliminar
  4. oh que bom que achas isso :D muito obrigada linda, beijinhos

    ResponderEliminar
  5. é tão bom ouvir isso minha querida. mil obrigadas )

    ResponderEliminar
  6. Ele só saberas se já lhe tiveres dito.
    Gostei! Ficarei feliz com a sua visita em meu blog, com a sua opinião,
    Beijinhos, Pensando com Arte.

    ResponderEliminar
  7. Podias ter ido logo direita ao assunto em vez de começares com sub-temas. Se nunca me viste também não podes julgar pelo que não vês.

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.