22 de dezembro de 2011


Eu não quero mais viver no escuro da noite e pertencer aos monstros que sempre assombraram os meus sonhos e sabes... eu tenho saudades dos dias em que a felicidade adormecia ao meu lado, em que o relógio rodava tão mais rápido e o meu coração não conhecia outra melodia senão a do teu amor. Eu não quero mais saber destruir-me sobre a culpa de um amor muito perdido, muito apagado e contrariamente, sempre muito presente,  em momentos em que a saudade transporta o teu nome e me arrebata o coração. Eu já não quero mais ter a chave da nossa casa-coração e quero que te sintas tão bem com isso quanto eu, porém, preciso pedir-te desculpa... eu sempre dei todos os passos incertos quando a tua certeza não deixava de ser eu. Eu sempre tive sede do teu sorriso, aquele que, como nenhum outro, embalava tão bem a minha alma nas noites em que as estrelas se apagavam. Durante todo o tempo que foi nosso e nunca do mundo, eu apenas acho que só não queria deixar de sonhar e agora é isso, tanto tanto disso...eu só não quero deixar de sonhar.

18 comentários:

  1. não deixes de sonhar ! os sonhos conseguem-nos trazer aquilo que a vida não trás ! gostei e sigo ! *

    ResponderEliminar
  2. É isso mesmo miúda, não deixes de sonhar, porque sonhar faz bem.. E alguns dos teus sonhos eu sei que tu és capaz de concretizar, sabes porquê ? Porque sei a menina forte que tu és e sempre foste desde que te conheci, sempre soube isso *.*

    ResponderEliminar
  3. Obrigada querida, és sempre o mesmo amor :)

    ResponderEliminar
  4. obrigada pela força que no fundo me deste :)

    ResponderEliminar
  5. Obrigada e igualmente *
    Força então , beijinhos :)

    ResponderEliminar
  6. Feliz natal para ti também, e espero voltar em força mesmo *

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.