26 de dezembro de 2011


Doce mãe,
Estava a fumar o meu cigarro quando, de repente, olho para o céu e reparo que esta noite as estrelas vieram tomar conta do céu. É verdade minha mãe e eu sorri, porque estas últimas noites elas não têm estado cá e parece que isso me abala o coração, tanto como saber que podes estar longe de mim. Mas mãe... hoje senti-me perdida, hoje sinto-me perdida, muito, demais e tu sabes o motivo mãe, tudo está a ficar tão complicado e olha, parece que a solução não existe.
Parece que não importa o quanto o tempo me envolve, não importa o quanto o meu coração fica pequeno e tão menos importa o quanto a minha alma anseia por momentos que possam até não existir. Eu espero sempre, esperei sempre e não estou a aguentar. Não agora e não nunca mais. Mãe...eu acho que estou a desesperar. 

3 comentários:

  1. Amor está bonito, mas tens que ter calma, ter força. Eu sei que é difícil, mas se tiveste ate agora porque não continua-la a ter. Estou aqui eu sei que não sou o substituto dela "tua mãe" mas estou aqui para te ajudar nas quedas, nas recaídas, melhor em tudo! Tu és algo muito forte para mim não te consigo ver assim, quero-te ver com um sorriso na cara, embora, seja difícil mas tu consegues. Eu tento ajudar e tentarei as vezes que forem precisas para te ver com um sorriso, contente e animada. Eu amo-te minha princesa. Tu és FORTE!

    ResponderEliminar
  2. Não podes deixar que nada te rebaixe, não podes deixar de ser forte nem que para isso precises de um ombro auxiliar. Força !
    Ps: Se precisares de alguma coisa, botãozinho verde no meu blog (:

    ResponderEliminar
  3. A forma como tu rediges os teus textos, são algo de único. Nota-se bastante que os rediges com toda a pureza do teu coração.
    Transmites paz.
    Abres o teu coração, soltas os teus sentimentos e no momento em que estás a escrever, estás num mundo à parte do resto, estás no teu mundo onde reina pureza, paz, dor, amor, carinho, afecto, alegria, entre outras coisas que só tu saberás detalhar.

    Lembra-te sempre que no meio de toda a dor, há sempre uma luz, um réstia de esperança.
    Não fujas dessa luz, corre até ela e abraça-a. Verás que te sentirás melhor, mais confortável, mais... protegida.

    Liberta-te, acredita e sê feliz.

    Eu estou e estarei sempre aqui, ao teu lado. Não me afastes de ti, eu ainda te consigo proteger.

    /sabes quem sou, amo-te.

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.