31 de agosto de 2011

isso é que eu já devia esperar


Estava sentada na varanda, não vi ninguém. As luzes estavam apagadass e eu senti medo do escuro, mais uma vez. Mais uma vez falei contigo, ninguém me ouviu, nem mesmo tu... acho que deveria entender que não mereces as minhas palavras, nem mesmo quando me sinto sem elas. Respirei fundo uma vez, outra vez... acho que ainda não sei não gostar de ti e acho que ainda sei esperar por algo que não chega, não agora e talvez não nunca. O céu está sem estrelas e a lua foi-se embora. Levaste tudo contigo de novo, sem me dizeres nada, não foi?

22 comentários:

  1. sim, quando estou lá em cima em Viana, porque estudo lá, sim.. agora estou no algarve que é onde é a minha verdadeira casa, mas vou voltar daqui a uns dias e estou a morrer de medo :/

    ResponderEliminar
  2. sim, é isso. é uma situação complicada, mas ainda nem sei se vou continuar lá em casa ou não. agora estou numa de "deixa andar" e depois penso nisso..

    ResponderEliminar
  3. é dele e dos pais :/
    eu estou lá porque eles fazem questão e não querem que eu gaste dinheiro com casa, são uns queridos.

    ResponderEliminar
  4. pois, isso eu não sei.. só vou saber quando voltar. nem sei se vou aguentar ficar lá, a minha vida ta toda de patas pro ar.. ai ai

    ResponderEliminar
  5. eu gostava muito, mas não depende de mim :/

    ResponderEliminar
  6. marta :) porque eu não tinha activo! muito obrigada! és linda! beijinho enorme. e adoro o teu blog!

    ResponderEliminar
  7. uma coisa é não gostar, outra é não querer gostar.. ele é mais a segunda, penso eu :(

    ResponderEliminar
  8. com feridas para cicatrizar. mas sim, posso afinar que estou. bem.

    ResponderEliminar
  9. « O céu está sem estrelas e a lua foi-se embora. Levaste tudo contigo de novo, sem me dizeres nada, não foi? » que fofinho !

    ResponderEliminar
  10. Nós falamos, mas ele age como se nada fosse. Eu já estou cansada dele...

    ResponderEliminar
  11. o coração é persistente, mas sabes, estou certa que conseguirás ser mais forte que ele.

    ResponderEliminar
  12. aii, não chores, não suporto ver pessoas tristes ou a chorar :c

    ResponderEliminar
  13. espero que ele volte, e que te traga tudo de novo martinha. força <3

    ResponderEliminar
  14. martinha, para a próxima vocifera aos céus, o karma sempre actua ;)

    (quanto à imaginação, não sei se existe, os diálogos que publico no meu blog são todos verídicos)

    Um bejinho*

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.