25 de agosto de 2011

doce mãe


Olha mãe, as nossas noites fazem-me bem, muito bem. As nossas noites aliviam-me muito, levam-me ao céu, fazem-me voltar e eu adormeço entre as palavras que te digo e o tão silêncio vindo de ti. Olha mãe, eu sei que ninguém me ouve a falar-te, eu sei até que ninguém vê a tua presença, mas eu sinto tanto, aqui no coração mãe, que tu olhas para mim e lanças o teu sorriso sempre tão sossegado, sempre tão doce. Eu não sei mãe, até agora não me disseste o caminho, mas quando te falo, sem que ninguém oiça a minha voz, eu sinto mãe, aqui no coração e bem fundo na alma que, se eu cair por seguir o meu coração, tu vais levantar-me e fazer com que eu o reconstrua. Sem medos. Sem paragens. Sem interrupções. É assim mãe, eu sinto e sei sem que fales. Foi sempre assim, não poderia deixar de ser mãe, porque tu és o meu pedaço mais real num mundo que nada é meu. Tu és mãe, a força bem forte e que eu pensava ser uma força bem fraca, que guardo dentro de mim. Guardo a força que me dás, junto ao amor que de ti, sempre recebo. Guardo-te a ti, mãe de coração, a ti e a umas saudades que me descontrolam as lágrimas que tu não queres ver cair. Guardo-te a ti no pedaço mais vivo de coração que eu possa ter, porque em mim, em mim estarás sempre viva e sempre a brilhar, mais que o brilho do Sol. Mais que o azul do céu. Mais que tudo. Mais que tudo porque és tu. Tu... doce mãe.

34 comentários:

  1. ...fiquei sem palavras. sem pequenos gestos para te deixar aqui. sabes. pode ser que um dia me consiga expressar, mas olha, fiquei a tremer e com o coração nas mãos, porque de facto, sentes o mesmo que eu, infelizmente! infelizmente.

    ResponderEliminar
  2. é, percebo. e dói muito, como se alguém nos aperta-se o coração

    ResponderEliminar
  3. sim disseste querida.
    e muito, muito obrigada! outro beijinho grande.

    ResponderEliminar
  4. Que mimo de texto :')

    (e eu também com saudade de aqui vir, mas o tempo não dá para tudo :x)

    ResponderEliminar
  5. pois é , mãe é tudo (:
    ai , e siiinhee ^^ tenho qe experimentar fazer aquelas unhas . vai sair asneira (já sei qe vai), mas ao menos fico toda contente xD

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem que gostas-te assim fico feliz *-*

    ResponderEliminar
  7. fica giro :)
    aii adorei o texto, está muito forte mesmo :$

    ResponderEliminar
  8. Voltei a alterar, espero que também gostes assim (;

    ResponderEliminar
  9. ...
    Este texto deixou me sem palavras :$
    Está lindo, este toca-nos mesmo cá no fundo ..
    Sentes saudades, isso é bom, mas sabes que ela estará sempre sempre ao pé de ti.. Porque ela esteja onde estiver cuida de ti e quer ver a filha feliz e a sorrir, só como tu sabes <3

    ResponderEliminar
  10. que texto tão lindo e profundo! wow, a tua mãe tem imenso orgulho em ti, acredita! lindo!

    ResponderEliminar
  11. Hás-de chegar, minha querida. O tempo cura tudo (:

    ResponderEliminar
  12. este texto toucou-me tanto no dia de hoje. como é duro perder uma pessoa assim tão importante na nossa vida, meu amor. estou aqui para tudo e para ti, tal como a tua doce mãe. ♥

    ResponderEliminar
  13. obrigada linda. e eu adorei simplesmente o texto. :)

    ResponderEliminar
  14. sim, claro que temos marta, o que está quase a chegar ao fim ..

    ResponderEliminar
  15. " Tu és mãe, a força bem forte e que eu pensava ser uma força bem fraca, que guardo dentro de mim. Guardo a força que me dás, junto ao amor que de ti, sempre recebo."
    esteja onde estiver, ela vai sempre fazê-lo. Escreves com o coração todo!

    ResponderEliminar
  16. enchi-me de lágrimas com estas palavras pequenina. olha, és tão linda, e trazes-lhe tantos orgulhos. e sim, ela sempre lá estará, mesmo que em silêncio, para te amparar o coração e cuidar da alma. força, pequena marta. és um amor de pessoa.

    ResponderEliminar
  17. as saudades são boas, sabes? muito boas, de facto. mas talvez devessem ser esquecidas, e eu seguir sem elas, entendes?

    ResponderEliminar
  18. e acredita que ainda vêm coisas mais profundas. Quando li, não chorei. Fiquei apenas nostálgica.

    ResponderEliminar
  19. wow, este texto deixou-me mesmo quase a chorar, e olha que eu nunca choro. É tão forte.
    Força! Ela de certeza que está orgulhosa de ti!

    ResponderEliminar
  20. oh, que tocante *.*

    do blog: http://thelastbreathofasoul.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  21. ha coisas que nos deixam tristes, e se é devido ao destino ou nao, nao sei, mas espero que sim, porque se for obra do destino, teremos a nossa recompensa!

    ResponderEliminar
  22. se a alimentares e não a quiseres apagar de ti , será eterna .
    gostooooo minha linda .

    ResponderEliminar
  23. sou de coimbra, linda, e ameeeeeei!
    olha querida, muita força, conta comigo para tudo, para desabafar ou qualquer coisa, ca estou!

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.