10 de julho de 2011

levas(te)


(...) Do you love me?
Yes.
 Give me a change?
Not.

Levaste-me toda a vontade de luta que ainda guardava em mim. Levaste-me as lágrimas da tua ausência e nem sabes. Levaste os sonhos destruídos, as noites sem sentido e mostraste-me um caminho diferente. Levaste tudo o que em mim era teu, levaste os sorrisos que ficaram escassos sobre o tempo... levaste contigo, o que foste comigo. Agora que tudo soubeste levar, não me tragas de volta o que não quero recordar... Só não levaste as saudades e eu ainda não encontrei a coragem que me roubaste para as mandar embora.

8 comentários:

  1. Ter saudades é bom meu amor. Porque isso é, de certa forma, a prova que o passado valeu a pena. Se tens saudades é porque foi bom, porque deste parte de ti a isso, por muitos motivos. Se já passou, já podes seguir em frente. Mas as saudades nunca desaparecem, por isso não as queiras esquecer, mas sim aprender a viver com elas. E com o tempo, dia após dia, vais aprender a ver as saudades como algo positivo, acredita. E como diz a nossa adorada MRP "É preciso saber viver o amor, esquecer mágoas e matar inseguranças e acreditar que vale a pena amar alguém, que vale a pena partilhar o nosso amor, mesmo que quem o recebe não saiba abrir as mãos para o agarrar."

    Levaram-te tudo, menos o sorriso. O sorriso, está sempre presente :') força princesa <3

    ResponderEliminar
  2. está muito bonito, não ha palavras. gosto muito de te ver escrever

    ResponderEliminar
  3. muito obrigada querida (:
    sim querida, ainda tem muitas surpresas *.*

    ResponderEliminar
  4. obrigada por me teres passado o desfio mas eu já o fiz, obrigada de qualquer das formas (:

    ResponderEliminar
  5. Saudades é bom, isso é a certeza que tudo que vives te no passado foi bom e que deste parte de ti a esse passado. Mas alguém não soube agarrar esse passado e agora levou te tudo, mas eu sei que ainda existe imensa força dentro de ti e o sorriso ainda está aí :)

    Não desistas de encontrar a felicidade ;)

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.