23 de julho de 2010

- outros tempos - hoje é diferente.

Eu já tive tempos de dor. Já caí tão fundo que pensei não ter forças para me levantar. Já me perdi por caminhos desconhecidos, já levei a minha alma ao êxtase da exaustão e pensei não ter vida.
Hoje, com a tua presença constante, não só na minha vida, mas também no meu coração, os sorrisos são puros e a felicidade é dividida. Hoje, não me arrependo de te ter, nem me arrependo de me dar tanto, porque apagas-te todo o desespero que a minha alma continha, levas-te todas as lágrimas de dor e fizeste-me voar mais além, pegas-te na minha mão e levaste-me contigo, para longe. Já te disse que és mágico, não já?
Dás-me os caminhos certos para que eu tenha cada vez mais a certeza de que gosto de ti, gosto realmente de ti e por isso te entrego tudo de mim, tudo o que é meu. Gosto realmente de ti para deixar de sentir a batida do teu coração quando estás perto de mim. Gosto demais de ti, porque quem não ama demais, não ama o suficiente.
Dás-me o sonho da vida, a realidade que sempre desejei, elevas-me mas não me fazes cair e surpreendes-me com os teus actos, dando-me sempre os melhores e únicos momentos.
Já te disse que me sinto protegida quando me abraças? És um porto seguro, és o meu.
Já não sei como é não te amar, mas sei que é bom ter-te. É bom ser tua e é bom sentir que me amas com todo o teu coração.

Sinto que estou dependente de nós.
Here I am with all my heart.

17 comentários:

  1. texto mesmo bonito ^^

    música fofinha, como se chama ?

    beijo, vou seguir (:

    ResponderEliminar
  2. O meu caso é diferente, bem diferente.
    Ele entrou na minha vida do nada. Um grande amigo meu tinha ficado sem bateria e ele aproveitou e ficou com o número guardado. Desde logo começou a dizer que eu era a rapariga mais linda que tinha visto na vida e criamos uma empatia enorme. Fomos criando uma amizade bela, ao longo do tempo, que foi avançando mais e mais. Até chegar a um dia que estivemos quase a ficar juntos, mas ele preferiu ficar com outra. Prometi a mim mesma que nunca mais lhe abriria a porta do meu coração. Passado uns meses, ele quis aproximar-se, dizia que me amava, mas eu conhecia-o bem demais e não cedi. Provavelmente uma discussão com a namorada teria levado a procurar conforto em mim, como sempre. Agora, em Junho, começou o campo de férias, e ele foi. Tinha acabado com a namorada e aproximou-se de mim. Desta vez eu cedi. E aconteceu ;s
    Disse que voltava por mim, que precisava de mim, para seguir em frente... A namorada, entretanto voltou para o ex e disse que sempre o tinha amado. Passado uns dias acabaram e voltou novamente para ele e ele deixou-me no fundo -.-
    Nesta última semana, ela não foi e ele aproximou-se novamente de mim. Quando não tem uma, tem outra! Na terça foi a 'despedida' e ele disse que se tivessemos de ficar juntos, ficariamos. E está sempre a dizer-me para lutar por ele. Ontem, foi o último dia e eu simplesmente fartei-me. Veio ter comigo e eu disse-lhe 'deixa-me em paz'. Ele disse que por muito que eu quisesse não me deixaria em paz, que precisa de mim, que sou muito importante para ele. Ele tem namorada , entendes? Ele deixa-me sempre em vão, e depois volta quando quer e diz que precisa de mim, para quê? Num momento está tudo bem, no outro muda de atitude, como se nada fosse. Ele tem todas as que quer e no entanto nunca me deixa ir embora, nunca! E eu sinto-me tão, tão bem quando estou com ele, mas depois penso que não vale a pena... porque no fundo eu conheço-o mais do que a mim mesma e sei que a nossa história, não passa disso, de uma história ;X

    E depois, meu amor, tenho medo. Medo de voltar a cair. Medo de ceder. Medo de nunca o deixar ficar mal, porque não consigo. Medo de lutar por ele, como ele quer, ainda não compreendi porquê. Medo de o amar, mais e mais, em vão.
    E no fundo, ele continua a dar-me esperanças, a querer estar comigo, a nunca me deixar partir. ;s

    ResponderEliminar
  3. está lindo meu amor (:

    amo-te , sempre <3

    ResponderEliminar
  4. é impressionante como escreves bem com a idade que tens. adorei. e obrigado :)

    ResponderEliminar
  5. oh pequenina... somos todos diferentes :)

    ResponderEliminar
  6. pois é, mas às vezes sentimos coisas que nao queremos :$

    ResponderEliminar
  7. «Gosto demais de ti, porque quem não ama demais, não ama o suficiente.»

    adorei.

    ResponderEliminar
  8. por mais que não queiramos isso acontece :$

    ResponderEliminar
  9. obrigada querida (:
    está aqui um texto muito bonito *.*

    ResponderEliminar
  10. Não é preciso agradeçer as palavras que escrevo :$

    O texto está lindissimo! *.*
    Então com a musica de fundo .. Aiie. Podes-me dizer de quem e qual é a musica? (A)

    ResponderEliminar
  11. É tao bom ler isto Marta :')
    Força..

    ResponderEliminar
  12. obrigada pelo teu apoio, pelo teu amor. são poucas as pessoas neste mundo como tu. quem me dera ter-te a meu lado sempre que eu quisesse, todos os dias, todas as horas, a todos os minutos da minha vida.
    tu sim, és algo inexplicável. podemos sonhar a teu lado, podemos fazer uma vida contigo.
    gosto mesmo muito de ti, músa ♥.

    ResponderEliminar
  13. wow que texto profundo..
    identifico-me tão bem!

    ResponderEliminar

Fica em segredo, entre nós.